terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Chullage - Ignorância XL


Bófia ataca e tu não ripostas,
sistema fode-te e o tu viras as costas
mas no minimo stress com o teu brother tu encostas,
uma lamina ou um cano á sua pele
com nervos á flor da pele tu és capaz de filar o teu brotha,
por honra , poder e papel.
mas não foi ele que te tirou a honra, poder e papel
a IGNORÂNCIA é XL
por um triz ela não te rouba a vida á porta da bôite
onde 1 litro de whisky bate forte
15 minutos depois embate forte no bote que tu não viste
no despiste, e fodes a fronha a shema linda,
que ainda esta noite tu despiste no banco de trás
quando sequer nem vestiste o equipamento de segurança
porque nem resististe
pau duro nao aguenta a tusa, fusa, fusa , fusa ,
depois a sida reduz a tusa ou o esperma intrusa e fecunda a musa
paternidade se recusa e a tua cria cria-se reclusa
do teu proprio modo de vida, devido á tua ignorancia
devidamente implantada na tua mente como chips
os guettos continuam a ser slave ships
que mantêm niggas sonhando com bloods e crips, bimaz e jeeps
envenenados em menus de hamburgers cocas e chips,
neurónios queimados na televisao, rádio coca e trips
White poison, white life, white supremacia, implantada pela suprema CIA
corpos sujos passeiam mentes acorrentadas
por debaixo da câmara que nos policia

Se não queres curtir a life
Vem ver como o mundo está
Com violência sexo drogas papel

Se quiseres fugir da life
Tu não vais ver o estado
Porque tu vives em Ignorância XL

no nosso meio armas são mais acessíveis q educação
pq pretos com armas são mais inofensivos q pretos com educação
mas n a sua educação
pq quem nos educa são os mesmos q nos põem sobrelotados na prisão
sobredotados sem habilitação
subalimentados sem habitação,
quem nos educa são os mais interessados na nossa destruição
pouca instrução pa continuarmos na ignorância, na sua construção
e restauração
quem nos educaça são modafuckaz na tv
cheios de roupa e jóias carros pistolas e doias
num mar de ignorância q nos afunda
se a inteligência não começa a mandar bóias
para desacreditar as suas paranóias
emitidas em todos os cabos e parabólicas
supermercados de cultura com intenções diabólicas
pouco católicas vender as suas ideias e produtos
tornando globalmente simbólicas
mothafuckaz dão cólicas, tantos canais mas so este fim os regula
tv anuncia a ganância e gula
e nós saímos pra street pra ter o mesmo q o pula
ou q o preto q nos chula,
dinheiro fácil é o nosso pesadelo, disfarçado de sonho
mas é o seu projecto pra q fiquemos quietos no ghetto
abre os olhos preto
desperta, a ignorância é q puxa o gatilho,
a bala so acerta no teu tropa
ou puxas essa merda contra o inimigo ou dropa dropa inteligência na rua
destrói a classe opressora,
n a tua, actua, ignorância é XL em todo aquele q compactua.

Se não queres curtir a life
Vem ver como o mundo está
Com violência sexo drogas papel

Se quiseres fugir da life
Tu não vais ver o estado
Porque tu vives em Ignorância XL

sábado, 12 de dezembro de 2009

Weekend na Guarda ...


A nossa safa com tanto frrrioooo.... A casa de chá O Bule.
Torre de Menagem (o famoso castelo da Guarda)





Guarda (arruamentos)
Porta d´el-Rey

Igreja da Misericórdia
Rotunda em "G"

E Viva os Verdes!!! Viva a CDU!!!! (Guarda)
Serra da Estrela















Torre dos Ferreiros, com mais uma porta da cidade

Porta da Erva
Guarda (arruamentos)

Jardim (Frente ao museu)



Aproveitando o fim de semana grande a happy red family viajou até à Guarda para passar uns dias. Ficámos na Pousada da Juventude desta cidade bonita.As condições atmosféricas nos dois primeiros dias não foram as melhores, contudo aproveitámos ao máximo.Um frio de rachar, um nevoeiro constante, com muito vento e alguma chuva, foram os nossos acompanhantes...Nos dois últimos dias o sol já nos sorriu.

Fomos à Serra da Estrela...As minhas duas pequenas nunca tinham visto neve.Apesar de ser pouca já deu a brincar.Subimos por Seia até à Torre e fizemos um boneco de neve.Descemos pela Covilhã, sítio este que não tirámos fotos, pois sendo a terra de quem é não merece ficar para a prosperidade.Pelo menos nos nossos arquivos digitais.
Tenho que vos confessar que é uma dor de alma ver os inúmeros edifícios devolutos pela serra fora.Ao invés das casas tipo suíça que proliferam pelas encostas de manto ainda verde, as casas feitas em pedra, as fábricas brutais que outrora viveram grandes tempos, são agora esquecidas.A câmara da Covilhã ainda se dá ao luxo de colocar um outdoor junto a uma das suas freguesias a dizer "Aqui está a nascer a aldeia de montanha".E quem passa pensa, pelo menos nós pensámos assim, que se vai ver casas serranas, tipicamente beirãs, feitas em pedra,... Mas não.Viva os Alpes ou os Pirenéus !!!!!

Mas nem tudo é mau.Gostaria de ressalvar o quão simpáticas são as pessoas da Guarda.
Nunca fomos mal tratados, bem pelo contrário.Sempre muito atenciosos, nomeadamente as meninas da Pousada...Em todo o lado as pessoas falam, sempre com algum carinho.Não é por acaso que temos grandes amigos na Guarda.Aconselho vivamente, para quem não conhece, a visitar esta cidade e esta região lindas.

Em suma foram quatro dias muito bem passados.
Deixo aqui algumas fotos dos três, ou melhor, dos quatro. hehehehe

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Momento Zen...

video

Peligrafias ferreirenses


... alguns apontamentos fotográficos ....


Ferreira sunset




Elasticidade retroescavante




"Quinta dos Cavalos", Monte da Boavista




Fornos abandonados no Monte da Figueirinha









... se me lembrar mais virão ...

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Sankt Pauli, mais do que um clube



O Sankt Pauli é o clube de futebol de um bairro com o mesmo nome na cidade alemã de Hamburgo. Neste momento, encontra-se na segunda divisão da Bundesliga. O Sankt Pauli é conhecido mundialmente pela combatividade dos seus apoiantes. São anti-racistas e antifascistas. Envergam uma bandeira negra com a caveira, como a dos piratas. As suas coreografias são arrojadas e os cânticos imprimem uma alegria entusiasmante nos estádios.

No passado dia 2 deste mês, o Sankt Pauli jogou contra o principal rival, o Hansa Rostock. Depois da partida, o encontro era notícia por televisões e jornais de todo o mundo. Apesar das centenas de efectivos policiais, geraram-se tumultos durante várias horas. Tudo começou com as provocações da torcida do Hansa, conhecida pelas simpatias nazis. Ao longo do jogo, faziam a saudação romana e provocavam os adeptos do Sankt Pauli. Contudo, foi a equipa de Hamburgo que saiu feliz. Venceu por duas bolas a zero.

O momento do jogo aconteceu quando Naki Jubel, alemão de origens turcas, do Sankt Pauli festejou o golo marcado. Correu para junto dos adeptos do Hansa Rostock que o insultavam e faziam a saudação nazi. Olhou-os e passou um dedo pelo pescoço. Depois do jogo, sob o apoio entusiástico dos ultras do Sankt Pauli e sob o ódio dos nazis do Hansa Rostock, os jogadores vitoriosos embrulharam-se nas bandeiras piratas da claque antifascista e Naki Jubel espetou a bandeira do clube na relva do Hansa. Houve, de imediato, uma tentativa de invasão de campo por parte dos adeptos da casa, que foi impedida pela polícia. Lá fora, os confrontos duraram horas.

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

A propósito do 20º aniversário da queda do muro de Berlim...


Em todos os meios de comunicação, nacionais e internacionais, o enfoque é o aniversário da queda do muro de Berlim.Sim, é um marco histórico.Sim, tem a sua importância no decurso da Europa e do Mundo.Sim, foi um presságio para a queda da União Soviética...Mas tanta euforia para quê?

Representantes europeus, a lady Clinton entre outros, depressa esqueceram os problemas dos seus países e lá foram até Berlim para a cerimónia oficial, onde o momento alto será a queda de um sem número de peças de dominó.Roger Waters e os U2, por exemplo, também estarão presentes.Em suma, os grandes libertadores democráticos em uníssono pelo dia da liberdade, pelo dia em que a democracia chegou à Alemanha de Leste.Foi este o dia em que o povo da Alemanha de Leste pôde finalmente escolher.Eram agora livres...ou não.

E eu pergunto...Não existem mais muros?Não existem mais regiões onde a democracia e a liberdade tardam em surgir e onde o povo vê constantemente a sua auto-determinação recusada?Assim de repente surge o exemplo da Palestina e dos territórios ocupados pelos sionistas.Onde andam os U2´s, os Clintons, os Sócrates ou os Barrosos?Onde andam as peças de dominó?Ou em Cuba?Depois de anos consecutivos de um bloqueio imoral que não tem memória.Onde andam estes senhores?Poderíamos de igual forma falar dos Iraques ou dos Afeganistões que continuam a sofrer às mãos dos "libertadores"...Ou mesmo aqui ao lado com a luta pela independência no País Basco e no Sahara Ocidental.Onde andam?

Para mim, mas quem sou eu, esta coisa cerimonial em Berlim tem como objectivo manchar aquilo que foi a União Soviética e ideologia patente.Apesar de ter tido muitas coisas más, ainda hoje uma parte das pessoas que viviam no dito regime ditatorial têm saudades desta época.Dizem que viviam melhor nessa altura que agora.Tinham acesso a estruturas que hoje não têm.E quem tenha olhos na cara vê isso mesmo...Porque é que os ucranianos aprendem a falar melhor o português que os espanhóis, franceses, ingleses, italianos, .... ?

Sem querer estar a defender com unhas e dentes a União Soviética, custa-me ver este tipo de coisas.Não esquecer que após esta época e com a queda da URSS as guerras não têm terminado.Ora contra este ora contra aquele.E sempre com o mesmo à cabeça.Será que foi assim tão bom o muro ter caído?

Pois é.

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Ciganos em Ferreira




É sabido que não se inserem na comunidade.Têm os seus costumes enraizados na diáspora que é o nomadismo.Há quem os defenda, há que quem os acuse.São tema de muitas conversas, nomeadamente quando falamos de criminalidade ou quando falamos de "preguiça laboral".Tocam e cantam como ninguém e segundo parece têm os tachos da cozinha a brilhar como novos.São sem dúvida um povo particular.Contudo, não me cabe a mim criar juízos de valor sobre este povo, o povo cigano.

Ao que parece aqui na região de Beja os ciganos mantêm a tradição nómada.Deambulam com os seus cavalos e carroças, acompanhados por vezes das suas conhecidas carrinhas Iveco. Acampam onde têm espaço e vão ficando por um par de dias neste ou naquele terreno baldio.Aqui em Ferreira é normal vê-los passar com as suas carroças.Dão de beber aos cavalos no chafariz ou então vão para a barragem de Odivelas.Fazem fogueiras para se aquecer e para cozinhar.Um ponto negativo que não os favorece é o imenso lixo que fazem e que depois não o limpam.

No dia de ontem, enquanto estava a acompanhar uma das muitas máquinas a abrir vala para regadio, vi uma coisa que me surpreendeu.Apesar dos processos mecânicos serem cada vez mais usuais na agricultura, nomeadamente na pequena agricultura, a apanha da azeitona, pelo menos naquele terreno, estava a ser realizada manualmente por famílias ciganas.Qualquer outra pessoa que não fosse desta região diria que "lá estão os ciganos a roubar". Mas não.Pegaram pelas 7h da manhã e às 14h, depois de ter ido almoçar, ainda lá estavam.Cerca das 16/17h, creio eu, foi quando os vi pela última vez.Com varas em madeira e uma rede lá iam batendo nas oliveiras como se sempre fez antes da introdução das máquinas na agricultura.Bem organizados, todos sabiam bem o que fazer.Aqui não existe diferença entre o homem e a mulher.Todos trabalham igual, excepto subir às árvores que foi sempre o mesmo moço, talvez por ser ainda jovem e ágil.

Falei com um dos ciganos.Sempre amável lá foi dizendo algumas coisas, aproveitando para descansar das imensas horas de braços ao alto com uma vara de quase 6 metros.Visivelmente cansado não desistiu e lá continuou.Ainda esbocei umas palavras para o pequeno que trazia com ele, possivelmente filho, contudo sem grande sucesso, pois o "espanholês" não era muito perceptível.Perceptível era a felicidade daquele míudo quando apanhava uma azeitona e a escondia na manga...

Tentei perceber quanto recebiam de salário mas sem grande sucesso.O senhor apenas me disse: "Já tenho o dia feito...Já apanhámos 17 sacos de azeitona".Na apanha da azeitona, para além do suposto salário de uns meros tostões à hora, existem dois tipos de "contrato". O primeiro é a divisão da azeitona, fifty-fifty, metade para o dono da terra, metade para o trabalhador (equipa).O segundo é a terça, ou seja, 1 terço para o dono da terra, dois terços para o trabalhador (equipa).

Depois de uma breve investigação é normal aqui para baixo serem os ciganos a apanhar a azeitona manualmente, sem a intervenção de qualquer máquina.Existem cada vez menos portugueses a realizar esta árdua tarefa...

Afinal os ciganos também "podem" trabalhar ... e pelo que vi até trabalham bastante bem.

terça-feira, 20 de outubro de 2009

Immortal Technique - The Poverty of Philosophy



Aí vai mais um vídeo...

Bzzzzzzzzz

Most of my Latino and black people who are struggling to get food, clothes and shelter in the hood are so concerned with that, that philosophising about freedom and socialist democracy is usually unfortunately beyond their rationale. They don't realize that America can't exist without separating them from their identity, because if we had some sense of who we really are, there's no way in hell we'd allow this country to push it's genocidal consensus on our homelands. This ignorance exists, but it can be destroyed.

Nigga talk about change and working within the system to achieve that. The problem with always being a conformist is that when you try to change the system from within, it's not you who changes the system; it's the system that will eventually change you. There is usually nothing wrong with compromise in a situation, but compromising yourself in a situation is another story completely, and I have seen this happen long enough in the few years that I've been alive to know that it's a serious problem. Latino America is a huge colony of countries whose presidents are cowards in the face of economic imperialism. You see, third world countries are rich places, abundant in resources, and many of these countries have the capacity to feed their starving people and the children we always see digging for food in trash on commercials. But plutocracies, in other words a government run by the rich such as this one and traditionally oppressive European states, force the third world into buying overpriced, unnecessary goods while exporting huge portions of their natural resources.

I'm quite sure that people will look upon my attitude and sentiments and look for hypocrisy and hatred in my words. My revolution is born out of love for my people, not hatred for others.

You see, most of Latinos are here because of the great inflation that was caused by American companies in Latin America. Aside from that, many are seeking a life away from the puppet democracies that were funded by the United States; places like El Salvador, Guatemala, Peru, Columbia, Nicaragua, Ecuador and Republica Dominicana, and not just Spanish-speaking countries either, but Haiti and Jamaica as well.

As different as we have been taught to look at each other by colonial society, we are in the same struggle and until we realize that, we'll be fighting for scraps from the table of a system that has kept us subservient instead of being self-determined. And that's why we have no control over when the embargo will stop in Cuba, or when the bombs will stop dropping in Vieques.

But you see, here in America the attitude that is fed to us is that outside of America there live lesser people. "Fuck them, let them fend for themselves." No, Fuck you, they are you. No matter how much you want to dye your hair blonde and put fake eyes in, or follow an anorexic standard of beauty, or no matter how many diamonds you buy from people who exploit your own brutally to get them, no matter what kind of car you drive or what kind of fancy clothes you put on, you will never be them. They're always gonna look at you as nothing but a little monkey. I'd rather be proud of what I am, rather than desperately trying to be something I'm really not, just to fit in. And whether we want to accept it or not, that's what this culture or lack of culture is feeding us.

I want a better life for my family and for my children, but it doesn't have to be at the expense of millions of lives in my homeland. We're given the idea that if we didn't have these people to exploit then America wouldn't be rich enough to let us have these little petty material things in our lives and basic standards of living. No, that's wrong. It's the business giants and the government officials who make all the real money. We have whatever they kick down to us. My enemy is not the average white man, it's not the kid down the block or the kids I see on the street; my enemy is the white man I don't see: the people in the white house, the corporate monopoly owners, fake liberal politicians those are my enemies. The generals of the armies that are mostly conservatives those are the real Mother-Fuckers that I need to bring it to, not the poor, broke country-ass soldier that's too stupid to know shit about the way things are set up.

In fact, I have more in common with most working and middle-class white people than I do with most rich black and Latino people. As much as racism bleeds America, we need to understand that classism is the real issue. Many of us are in the same boat and it's sinking, while these bougie Mother-Fuckers ride on a luxury liner, and as long as we keep fighting over kicking people out of the little boat we're all in, we're gonna miss an opportunity to gain a better standard of living as a whole.

In other words, I don't want to escape the plantation I want to come back, free all my people, hang the Mother-Fucker that kept me there and burn the house to the god damn ground. I want to take over the encomienda and give it back to the people who work the land.

You cannot change the past but you can make the future, and anyone who tells you different is a Fucking lethargic devil. I don't look at a few token Latinos and black people in the public eye as some type of achievement for my people as a whole. Most of those successful individuals are sell-outs and house Negros.

But, I don't consider brothers a sell-out if they move out of the ghetto. Poverty has nothing to do with our people. It's not in our culture to be poor. That's only been the last 500 years of our history; look at the last 2000 years of our existence and what we brought to the world in terms of science, mathematics, agriculture and forms of government. You know the idea of a confederation of provinces where one federal government controls the states? The Europeans who came to this country stole that idea from the Iroquois lead. The idea of impeaching a ruler comes from an Aztec tradition. That's why Montezuma was stoned to death by his own people 'cause he represented the agenda of white Spaniards once he was captured, not the Aztec people who would become Mexicans.

So in conclusion, I'm not gonna vote for anybody just 'cause they black or Latino they have to truly represent the community and represent what's good for all of us proletariat.

Viva la revolution!

Immortal Technique- Bin Laden



Felipe Andres Coronel (nascido a 19 de Fevereiro de 1978),mais conhecido como Immortal Technique, é uma rapper americano e um activista político.Nasceu em Lima, Peru, contudo cresceu no Harlem, Nova Iorque..
Muitas das suas letras centram-se em questões políticas, como a pobreza, religião, classes sociais e o racismo.
Immortal Technique descreve-se como um guerrilheiro socialista. A sua música é inspirada em figuras como Ali., Malcom X, Che Guevara, César Chávez, Augusto César Sandino, Marcus Garvey, Túpac Amaru II, Jose Carlos Mariategui, W.E.B. du Bois, Karl Marx, Toussaint L´ouverture, Harriet Tubman, Emiliano Zapata e Mumia Abu-Jamal.....

Shukran Alor !!!

[Mos Def - talking]
Man, you hear this bullshit they be talkin'
Every day, man
It's like these motherfuckers is just like professional liars
YouknowwhatI'msayin? It's wild
Listen

[Hook - Mos Def]
Bin Laden didn't blow up the projects
It was you, nigga
Tell the truth, nigga
(Bush knocked down the towers)--[Jadakiss]
Tell the truth, nigga
(Bush knocked down the towers)--[Jadakiss]
Tell the truth, nigga

Bin Laden didn't blow up the projects
It was you, nigga
Tell the truth, nigga
(Bush knocked down the towers)--[Jadakiss]
Tell the truth, nigga
(Bush knocked down the towers)--[Jadakiss]

[Verse 1 - Immortal Technique]
I pledge no allegiance, nigga fuck the president's speeches
I'm baptized by America and covered in leeches
The dirty water that bleaches your soul and your facial features
Drownin' you in propaganda that they spit through the speakers
And if you speak about the evil that the government does
The Patriot Act'll track you to the type of your blood
They try to frame you, and say you was tryna sell drugs
And throw a federal indictment on niggaz to show you love
This shit is run by fake Christians, fake politicians
Look at they mansions, then look at the conditions you live in
All they talk about is terrorism on television
They tell you to listen, but they don't really tell you they mission
They funded Al-Qaeda, and now they blame the Muslim religion
Even though Bin Laden, was a CIA tactician
They gave him billions of dollars, and they funded his purpose
Fahrenheit 9/11, that's just scratchin' the surface

[Hook]

[Verse 2 - Immortal Technique]
They say the rebels in Iraq still fight for Saddam
But that's bullshit, I'll show you why it's totally wrong
Cuz if another country invaded the hood tonight
It'd be warfare through Harlem, and Washington Heights
I wouldn't be fightin' for Bush or White America's dream
I'd be fightin' for my people's survival and self-esteem
I wouldn't fight for racist churches from the south, my nigga
I'd be fightin' to keep the occupation out, my nigga
You ever clock someone who talk shit, or look at you wrong?
Imagine if they shot at you, and was rapin' your moms
And of course Saddam Hussein had chemical weapons
We sold him that shit, after Ronald Reagan's election
Mercenary contractors fightin' a new era
Corporate military bankin' off the war on terror
They controllin' the ghetto, with the failed attack
Tryna distract the fact that they engineerin' the crack
So I'm strapped like Lee Malvo holdin' a sniper rifle
These bullets'll touch your kids, and I don't mean like Michael
Your body be sent to the morgue, stripped down and recycled
I fire on house niggaz that support you and like you
Cuz innocent people get murdered in the struggle daily
And poor people never get shit and struggle daily
This ain't no alien conspiracy theory, this shit is real
Written on the dollar underneath the Masonic seal

(I don't rap for dead presidents
I'd rather see the president dead
It's never been said but I set precedents)--[Eminem]

[Hook]

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Simplesmente brutal !!!



"Animação vencedora do programa de TV "Qual o seu talento?" 2009 da Ucrânia.
É um retrato da URSS durante a chamada Grande Guerra Patriótica contra o 3º Reich, na 2ª Guerra Mundial.
Dispensa palavras."

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

(Mais uma vez) ESTE BLOG APOIA A CDU !!!!


Pelo poder local democrático e participado...
Pela água pública...
Pelos ideais de Abril...
Pelo Povo...

Trabalho, Honestidade e Competência

VOTA CDU !!!!!!!

Amália Rodrigues - Summertime



Vá, pormenores à parte, ela até cantava bem...

terça-feira, 29 de setembro de 2009

Pusssy - Rammstein



Apesar de não gostar muito do som destes senhores tenho que lhes dar a mão à palmatória...
Mais um vídeo censurado pela democracia mundial...
Vai-se lá perceber porquê.... :D
Não queriam educação sexual nas escolas????
Tanto melhor se for com música.
Matavam dois coelhos com uma cajadada só......

Letra:
Too big, too small,
Size does matter after all.
Zu groß, zu klein,
Er könnte etwas größer sein.

Mercedes-Benz und Autobahn,
Alleine in das Ausland fahren,
Reise, Reise, Fahrvergnügen
Ich will nur Spaß, mich nicht verlieben

Just a little bit...
Just a little bitch!

You've got a pussy,
I have a dick,
So what's the problem?
Let's do it quick.
So take me now before it's too late
Life's too short, so I can't wait.
Take me now, oh don't you see,
I can't get laid in Germany.

Too short, too tall,
Doesn't matter, one size fits all.
Zu groß, zu klein,
Der Schlagbaum sollte oben sein.

Schönes Fräulein, Lust auf mehr?
Blitzkrieg mit dem Fleischgewehr!
Schnaps im Kopf, du holde Braut,
steck Bratwurst in dein Sauerkraut!

Just a little bit...
Be my little bitch!

You've got a pussy,
I have a dick,
So what's the problem?
Let's do it quick!
So take me now before it's too late
Life's too short, so I can't wait.
Take me now, oh don't you see,
I can't get laid in Germany.

Germany!

Germany!

You've got a pussy,
I have a dick,
So what's the problem?
Let's do it quick!

You've got a pussy,
I have a dick,
So what's the problem?
Let's do it quick!

You've got a pussy,
I have a dick,
So what's the problem?
Let's do it quick!
So take me now before it's too late
Life's too short, so I can't wait.
Take me now, ooh don't you see,
I can't get laid in Germany

Legislativas 2009



Para uma grande parte uma derrota do PS (excepto para eles mesmos)...
Para alguns uma vitória do PSD, CDS e do BE...
Para quase todos e com os media a ajudar uma derrota da CDU...

Somos a quinta força política...
E quê???
Temos mais um deputado...
Mais 30 mil votos...
Estamos a crescer.
Somos para todos uma pedra no sapato.
E que pedra.Está cada vez maior...

Eles queriam que a CDU ou o PCP desaparecessem, mas ao invés disso cresceu...
Não estamos a falar de clubes.Qual o maior ou o mais pequeno..
Mas já que querem falar eu digo a viva voz:

Quem é que tem estado na rua com milhares de pessoas???
Quem é que apresenta mais propostas tanto em Portugal como na Europa???
Quem é que está ao lado das pessoas, dos trabalhadores, do povo???
Quem é que teve a maior arruada da campanha??? (não esquecer que ninguém recebeu um chavo para ali estar, ao contrário de outros)
Quem é que tem políticos mais sérios, mais honestos, mais humildes, enfim pertencentes ao povo??

Quem ???????

A CDU !!!!!

Quinta força política???
Errado....
Estamos na vanguarda da luta...
Somos quem está melhor organizado...
Somos o maior partido, com o maior número de militantes activos.
Só questiono uma coisa???
Como é que acham que a Festa do Avante! é construída???
Pois.....

É duro mas é a verdade....
Mas esperem pelas autárquicas.
Depois contamos os votos....

A CDU AVANÇA COM TODA A CONFIANÇA !!!!!!!!!!!!

terça-feira, 22 de setembro de 2009

ESTE BLOG APOIA A CDU !!!


No próximo fim de semana,
Vai haver eleições,
Mas o povo não se engana,
Não queremos mais glutões.

Como diria José Afonso,
Eles são os vampiros,
Disfarçados de sonsos,
Não deixam nem dióspiros.

Seja a leite ou o pequeno salazar,
É tudo a mesma manada,
Eles só querem mandar,
Pelo povo fazer nada.

O chico ou o zé da feira,
Têm o dom de falar,
Tapam o sol com a peneira,
Objectivo: Mamar.

Resta o operário vermelho,
Saiu da fábrica para deputado,
Serve o povo com empenho,
É um voto bem esgalhado.

Sem salamaleques burgueses,
Jerónimo a todo o gás avança,
É um amigo dos portugueses,
E eles acreditam com confiança.

Assim a Revolução Tribal,
Apoia firmemente a CDU,
Esta lista é a tal,
Onde voto eu e votas tu....


6 razões para votar CDU

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Alvalade Medieval 2009































Como diria o meu amigo LFM crescem que nem cogumelos.
E é bem verdade...
Como não costumamos frequentar, o casal Happy Red foi até Alvalade Sado.
Era a Feira Medieval.
Pagando 3,5 paus à entrada podias entrar noutra atmosfera, transportando-te para a Idade Média.
Eram as leprosas que se metiam com as pessoas (cuidado com o H1N1).
Eram as princesas e os príncipes.
Eram os guerreiros...
Todo um cenário onde os cheiros se misturavam com os bombos e as flautas.
Era uma autêntica aldeia medieval (mas para ricos, vai-se lá saber porquê...)
Mas o mais engraçado era que todo o medieval estava contemplado: o cristão, o islâmico e o judeu.
Podias ver um cristão com os índios do Brasil atrás ou um "sarraceno" com o seu Ûde.
Até o nome do WC era diferente: as Cagadeiras...
Como diriam alguns: à antiga.

Todos os comes e bebes eram acompanhados com loiça de barro.
Quando fosses buscar o comerete e o beberete tinhas que pagar uma caução por cada peça que trazias, que variava conforme a peça.
Podias ficar com ela ou devolver, sendo restituído o valor da mesma.
Ideia engraçada...

Por outro lado, havia uma rua onde os jogos ditos medievais eram a delícia dos muitos jovens que por ali passavam.Havia tavernas, lojecas, aldeões trajados a rigor por todo lado, liam a mão, lançavam tarot, ou seja essas coisas todas medievais (pensam eles e a maioria das pessoas), cavalos, burros, porcos, cabras e até um dromedário.

Sinceramente um espectáculo...
Gostámos imenso do que vimos.
Lá está.Nunca tínhamos ido a nenhuma.
Para a próxima talvez estejamos de novo em Alvalade...